,

Nacional | Paraguai

Terça-feira, 10 de Setembro de 2019

Força Nacional e manifestantes entram em confronto em Cidade do Leste. Veja o vídeo

Policiais foram atingidos por pedras e dispararam tiros de bala de borracha e bombas de efeito moral

O protesto dos paseros começou ainda de madrugada e o fechamento da fronteira gerou uma fila de mais de 3 quilômetros do lado brasileiro.

Na aduana paraguaia, manifestantes e policiais tentavam chegar a um acordo para liberar a passagem de alimentos comprados no Brasil, mas os ânimos se acirraram e o protesto que era pacifico ficou violento.

Soldados do grupo especial da Polícia Nacional e da cavalaria avançaram sobre os manifestantes depois de serem atingidos por pedras, tiros com balas de borracha foram disparados e bombas de efeito moral foram lançadas.

Foram vários confrontos durante toda a manhã. Várias pessoas foram presas e pelos menos cinco ficaram feridas entre manifestantes e policiais.

Os "paseros" , responsáveis pelo protesto, são pessoas que compram produtos hortigranjeiros no Brasil para revender no Paraguai. Na segunda-feira (9) eles conseguiram um acordo para poder comprar até US$ 300 no Brasil e a garantia de que a fiscalização de mercadorias não seria feita na região da Ponte da Amizade, mas hoje, os soldados da Marinha que atuam na fronteira, voltaram a apreender as mercadorias, o que provocou toda a confusão.

Redação Catve.com

COMENTÁRIOS

Deixe seu comentário